Pular para o conteúdo principal

Pastor vs Médium: Debate: A Criação


 As Eras Geológicas da Terra

Levy Wesley Lê o texto de Genesis com pausas e explica detalhadamente:
 
Dia Primeiro

Gênesis 1:1 - No princípio criou Deus os céus e a terra.
2 A terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo, mas o Espírito de Deus pairava sobre a face das águas.
3 Disse Deus: haja luz. E houve luz.
4 Viu Deus que a luz era boa; e fez separação entre a luz e as trevas.
5 E Deus chamou à luz dia, e às trevas noite. E foi a tarde e a manhã,
O dia primeiro.

ÿ   No princípio criou Deus os céus e a terra... Tudo ao nosso redor e derredor denuncia a existência de um Criador. Primeiro Deus criou o Mundo Espiritual para os anjos habitarem, as criaturas espirituais e invisíveis, onde nada pode ser visto e nem tocado. Depois trouxe a existência o mundo material, o físico, onde tudo pode ser visto ou tocado.  
ÿ   A terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo... Há fortes evidencias de cataclismo na face da terra.
ÿ   Disse Deus: haja luz. E houve luz... A Matéria prima da Luz das estrelas, da lua do sol e outros corpos luminosos procedem desta luz.
ÿ   E fez separação entre a luz e as trevas... Há uma separação natural entre luz e trevas.
ÿ   O Dia Primeiro... Sabemos que os sete dias de Genesis não são sete dias literais, sujeitos á 24 horas. O Próprio texto de Genesis 1 revela que o Dia Primeiro, o Dia segundo e o Dia terceiro não contavam com o sol e a lua. (Gn. 1: 14)

Outra coisa a considerar é a existência de mais de um céu, o cósmico o qual habitamos e o céu espiritual morada dos espíritos (anjos). 

Era Arqueozóica

                          Levy Wesley se lembra de seu tempo de faculdade e explica para André de modo breve e claro a Era Arqueozóica e diz para André:
Levy: Na Era Arqueozóica o Inicio da Terra, Nenhum havia sinal de vida, conformidade com Genesis 1: 2 - A terra era sem forma e vazia. (Gên. 1: 2)

                        André como um excelente observador e ouvinte escuta atentamente o raciocínio de Levy Wesley que prossegue:

O Dia Segundo
Gn. 1: 6 E disse Deus: haja um firmamento no meio das águas,e haja separação entre águas e águas. 7 Fez, pois, Deus o firmamento, e separou as águas que estavam debaixo do firmamento das que estavam por cima do firmamento. E assim foi. 8 Chamou Deus ao firmamento céu. E foi a tarde e a manhã,
 O dia segundo.

ÿ   Haja um firmamento no meio das águas... Evidencias indicam a face da terra totalmente coberta de águas, depois de grande fenômeno surge à terra seca.
ÿ   E separou as águas que estavam debaixo do firmamento das que estavam por cima do firmamento... Águas nas nuvens e na terra, trazendo o ambiente perfeito para os seres vivos habitarem, entre os seres vivos o homem.

O Dia Terceiro

9 E disse Deus: Ajuntem-se num só lugar as águas que estão debaixo do céu, e apareça o elemento seco. E assim foi. 10 Chamou Deus ao elemento seco terra, e ao ajuntamento das águas mares. E viu Deus que isso era bom. 11 E disse Deus: Produza a terra relva, ervas que dêem semente, e árvores frutíferas que, segundo as suas espécies, dêem fruto que tenha em si a sua semente, sobre a terra. E assim foi. 12 A terra, pois, produziu relva, ervas que davam semente segundo as suas espécies, e árvores que davam fruto que tinha em si a sua semente, segundo as suas espécies. 
E viu Deus que isso era bom.
13 E foi à tarde e a manhã, O dia terceiro.
 
ÿ   Chamou Deus ao elemento seco terra, e ao ajuntamento das águas mares... Explica-se aqui a origem dos mares e da terra seca para o homem habitar; e uma organização é iniciada para determinar a existência de vidas aquáticas e terrestres.
ÿ   E disse Deus: Produza a terra relva, ervas que dêem semente, e árvores frutíferas que, segundo as suas espécies, dêem fruto que tenha em si a sua semente, sobre a terra... Atendendo a lógica do raciocínio a relva e as ervas vieram a existir primeiro do que os animais, caso contrario como se alimentariam? Uma vez que somente após o Dilúvio os animais passaram a ser carnívoros.
ÿ   Médium: Perai você quer dizer que o suposto ADÃO não comia carne?
ÿ   Sim! A terra, pois, produziu relva, ervas que davam semente segundo as suas espécies, e árvores que davam fruto que tinha em si a sua semente, segundo as suas espécies... Organização característica e evidencia de um Criador, naturalmente sementes de alface gera alface, figueira gera figos, macieira gera maçã e assim prossegui até hoje, enterrando a todo instante a tese da evolução. Porque se a evolução existisse as plantas se transformariam em outras plantas naturalmente.  Normalmente não encontramos sementes de cenoura na beterraba, nem sementes de manga na laranjeira.

Andre interrompe: Moisés é a Primeira Revelação, ele foi um grande médium espírita sabia?
Levy: Não vi Moises se comunicar com nenhum espírito de pessoa falecida, mas vamos falar nisso depois; Acompanhe meu raciocínio e me corrija se eu errar:

O Dia Quarto

14 A terra, pois, produziu relva, ervas que davam semente segundo as suas espécies, e árvores que davam fruto que tinha em si a sua semente, segundo as suas espécies E disse Deus: haja luminares no firmamento do céu, para fazerem separação entre o dia e a noite; sejam eles para sinais e para estações, e para dias e anos;
15 e sirvam de luminares no firmamento do céu, para alumiar a terra. E assim foi. 16 Deus, pois, fez os dois grandes luminares: o luminar maior para governar o dia, e o luminar menor para governar a noite; fez também as estrelas. 17 E Deus os pôs no firmamento do céu para alumiar a terra, 18 para governar o dia e a noite, e para fazer separação entre a luz e as trevas. E viu Deus que isso era bom. 19 E foi a tarde e a manhã,o dia quarto.
 
ÿ   E disse Deus: haja luminares no firmamento do céu, para fazerem separação entre o dia e a noite...Vejamos aqui a criação dos astros luminosos, Sol, Lua, Estrelas, imagine como foram os três dias anteriores sem estes astros. Achamos aqui ainda a finalidade desses astros: sejam eles para sinais e para estações, e para dias e anos.
ÿ   E o luminar menor para governar a noite; fez também as estrelas. O luminar menor para governar a noite; fez também as estrelas. A Função desses astros não é designar o futuro da humanidade, mas impedir a humanidade de se perder no tempo e aproveitar bem o tempo de sua única vida por aqui, pois se a reencarnação existisse não precisaríamos marcar o tempo, afinal de contas pra quê marcar o tempo se há tantas vidas para viver?  

 - André: Ra, Rá, Rá, você tá me provocando! Vou deixar você concluir, vá continue.
 - Levy Wesley também ri, mas continua:

Obs.: O Primeiro Dia, segundo e terceiro Dia, são espirituais, impossibilitando uma contagem exata na linha do tempo. Pois no Quarto Dia veio existir o sol, a lua, as estrelas, para determinar o "tempo humano", o qual conhecemos, dai em diante é um novo estagio de "Tempo", ou seja um tempo cronológico possível de ser contado. Por essa razão não podemos afirma cm precisa em quantos dias ou eras que a Criação foi concluída.   

O Dia Quinto

Gn. 1: 20 E disse Deus: Produzam as águas cardumes de seres viventes; e voem as aves acima da terra no firmamento do céu. 21 Criou, pois, Deus os monstros marinhos, e todos os seres viventes que se arrastavam, os quais as águas produziram abundantemente segundo as suas espécies; e toda ave que voa, segundo a sua espécie. E viu Deus que isso era bom. 22 Então Deus os abençoou, dizendo: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei as águas dos mares; e multipliquem-se as aves sobre a terra. 23 E foi a tarde e a manhã,O dia quinto.
 
ÿ   E disse Deus: Produzam as águas cardumes de seres viventes; e voem as aves acima da terra no firmamento do céu... A Origem da Vida aquática é uma, enquanto a origem da vida terrestre é outra. A Vida aquática veio primeiro e depois veio a vida terrestre.

 - André pergunta: Como?

- Levy Wesley:
ÿ   Ora! Depois do sol, da lua, das estrelas, os primeiros seres vivos são as ervas e as relvas, e elas surgiram na porção seca. Produzam as águas cardumes de seres viventes: Imensas variedades de peixes, crustáceos etc..   
ÿ   Criou, pois, Deus os monstros marinhos, e todos os seres viventes que se arrastavam, os quais as águas produziram abundantemente segundo as suas espécies... Monstros marinhos? Baleias, Nero... Todos os seres viventes que se arrastavam? Focas, Tartarugas etc..
ÿ   Nada contra a Evolução, todavia a ordem Divina foi: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei as águas dos mares; e multipliquem-se as aves sobre a terra. Se a Ordem Divina fosse: Evolua gerando outras espécies, ai poderíamos pelo menos conjecturar a evolução, mas ordem consiste em procriação, cada gerando segundo a sua espécie, caso contrário o homem se transformaria no quê? Se o homem fosse o ultimo estagio da evolução, ela não existia. Por outro lado admito um processo de evolução no solo para gerar vidas terrestres e nas profundezas marítimas para gerar vidas segundo a sua espécie. No caso no Mar só vida marítima, na terra só vida terrestre .   
ÿ   E voem as aves acima da terra no firmamento do céu voem as aves acima da terra no firmamento do céu. Praticamente ao mesmo tempo, paralelamente surgiram as aves na terra.

                             No final da Era Pré Cambriano, surgem os primeiros indícios de vidas bactérias; algas, fungos, esponjas, crustáceos e celenterados. Tem-se inicio a Era Paleozóica. Com o surgimento dos primeiros vertebrados: Os Peixes e diversas vidas aquáticas.
André: Então você acredita que não houve evolução? A tese de Charles Robert Darwin você desconsidera?

Levy Wesley: Sim! Se Darwin estiver certo Deus seria uma criatura semelhante ao King Kong (Risos) Pois somos a imagem e semelhança dele.

O Dia Sexto

Gn. 1: 24 E disse Deus: Produza a terra seres viventes segundo as suas espécies: animais domésticos, répteis, e animais selvagens segundo as suas espécies. E assim foi. 25 Deus, pois, fez os animais selvagens segundo as suas espécies, e os animais domésticos segundo as suas espécies, e todos os répteis da terra segundo as suas espécies. E viu Deus que isso era bom. 26 E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; domine ele sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, sobre os animais domésticos, e sobre toda a terra, e sobre todo réptil que se arrasta sobre a terra.
27 Criou, pois, Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. 28 Então Deus os abençoou e lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos; enchei a terra e sujeitai-a; dominai sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu e sobre todos os animais que se arrastam sobre a terra.
29 Disse-lhes mais: Eis que vos tenho dado todas as ervas que produzem semente, as quais se acham sobre a face de toda a terra, bem como todas as árvores em que há fruto que dê semente; ser-vos-ão para mantimento. 30 E a todos os animais da terra, a todas as aves do céu e a todo ser vivente que se arrasta sobre a terra, tenho dado todas as ervas verdes como mantimento. E assim foi. 31 E viu Deus tudo quanto fizera,
e eis que era muito bom. E foi a tarde e a manhã,
o dia sexto.

ÿ   E disse Deus: Produza a terra seres viventes segundo as suas espécies: animais domésticos, répteis, e animais selvagens segundo as suas espécies... Concordemente as criaturas marítimas ao lado das aves voadoras surgiram antes dos animais selvagens, repteis e domésticos. Eles foram procriando e se reproduzindo cada um segundo a sua espécie, e assim prossegue todos os dias até agora como se pode ver.
ÿ   E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança... Finalmente o Surgimento do Homem e da Mulher, seres criados, NÃO frutos de uma evolução. Seres perfeitos para: Frutificar, multiplicar; encher a terra. Com inteligência, sabedoria, capazes de dominai sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu e sobre todos os animais que se arrastam sobre a terra.

André: Você está dizendo que não existiu o Homem pré Histórico?
Levy: Não é isso! O Homem das cavernas existiu, porém nos lugares isolados a medida que a população mundial aumentavam se espalhavam, algumas tribos se isolavam das civilizações, adotando novos usos e costumes.
                                   O Sexto Dia aglomera a Era Paleozóica, a Era Mesozóica e a Era Cenozóica. Alguns tipos Vegetações nos continentes atingiram seu total desenvolvimento supostamente no período Devoniano, porque os vegetais não cresceriam de imediato em frações de horas ou dias. E mais precisamente no Período Terciário vêm os animais mamíferos selvagens e domésticos. O Homem, a última criatura criada por Deus no supostamente no Período Quaternário.    
                                   A Ordem das Eras Geológicas da Bíblia está de pleno acordo com a Ordem Cientifica. Como poderia um livro tão antigo como a Bíblia acertar sem nenhuma margem de erro?  

André: Como médium Moises não errou, mas você vai concordar comigo que a Bíblia é um livro muito antigo e ultrapassado, não coaduna com os dias de hoje, agora a realidade é outra.

Wesley: o Padrão da Lei Mosaica: Não matarás, Não adulterarás, Não furtarás, não valem para nossos dias? 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Por que Jesus Cuspiu antes de curar o Cego?

Mensagem com base em João 9: 1-23


I – Qual causa da Cegueira do Homem?
 Este nascera cego curiosamente para Glória de Deus, os discípulos procuravam uma causa para a cegueira e perguntaram: “Rabi, quem pecou, este ou seus pais, para que nascesse cego?”. Fizeram a pergunta possivelmente com base em Êxodo:
Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.Êxodo 20:4-5
1)Cegueira como maldição hereditária, por parte dos pais; 2)Cegueira Por causa dos próprios pecados. 3)Cegueira para que se Manifeste as Obras de Deus
Jesus descartou as duas primeiras possibilidades, com seguinte resposta:
Jesus respondeu: Nem ele pecou nem seus pais; mas foi assim para que se manifestem nele as obras de Deus.
João 9:2-3

              O Homem era cego para que em hora oportuna se manifestasse nele a Obra de Deus.

II – Jesus contrariando os Homens                                    …

Hagar e Ismael no Deserto- Deus Ouve

(Texto Gn. 21; 14-21)                              Abraão levanta pela madrugada, toma pão e um odre de água, dá para Hagar colocando as coisas no ombro dela, pega o menino de aproximadamente 17 anos entrega-o para Hagar e despede a ambos, e despede. Hagar sai uma direção definida no deserto de Berseba, e sai errante. (Gn. 21; 14)
                         Uma dor e uma confiança tremenda dentro de Abraão. Ele sabia que nem Hagar e nem Ismael iriam morrer no deserto, porque Deus havia lhe garantido que faria de Ismael uma grande nação, e para isso Deus supriria todas as necessidades.                          Por outro lado Sara sua esposa estava muito incomodada, com o desprezo de Ismael em relação à Isaque, estava surgindo um clima muito comprometedor entre Ismael e Isaque, o que poderia cedo ou tarde gerar graves conseqüências. O próprio Deus aceitou a proposta de Sara, porque Deus havia traçado um Propósito na vida de Ismael à parte da casa de Abraão. Mais tarde tudo indica que casa de…

Cabelo da Mulher Cristã- Nove (09) Lições Bíblicas

Referencias: 1ª Co. 11:4-15/ 1ª Tm. 2: 9,10/ 1ª Pe. 3: 1-3

                           Três passagens bíblicas utilizadas por “teólogos” radicais, com estilo farisaico, para proibir as tranças, cortes e frisados nos cabelos, além do uso de jóias.  Mas em destaque nesta postagem, é o cabelo da Mulher Cristão. Temos postagens que tratam do uso de jóias nos seguintes sites:
Deus condena o uso de Jóias?  
http://prjefersonfabiano.blogspot.com.br/2011/10/deus-condena-o-uso-de-joias.html
O Uso de Jóias segundo Paulo e a Bíblia
http://prjefersonfabiano.blogspot.com.br/2013/01/o-uso-de-joias-segundo-paulo-e-biblia.html
Nove Lições sobre o Cabelo da Mulher Cristã segundo a Bíblia:
1.Cabelo longo da mulher cristã lhe é Honroso 2.Cabelo tosquiado/rapado na mulher cristã é Desonroso 3.Cabelo longo da mulher é sinal de poderio sobre os anjos 4.Cabelo longo em lugar do véu 5.Um traje modesto com pudor é mais importante que uma trança atraente 6.O Enfeite interior da mulher cristã vale mais do que um enfe…